Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Rapariga do Vestido Amarelo

Limites?

Sempre me disseram que a imaginação não tem limites, mas quando me impõem limite de palavras, a coisa muda de figura. Se eu tenho mais de 300 palavras para descrever uma situação porque é que não me deixam fazê-lo como quero?
Gostava de me sentir livre que nem um passarinho, mas com um cenário tão restritivo vejo-me limitada a contar a história de uma maneira menos autêntica. Por vezes um pouco aldrabona pois percebo que não posso dizer tudo como terá acontecido verdadeiramente. E é por isso que não compreendo porque impõem limites.
Deixem-se lá de coisas e deixem-nos escrever!

1 comentário

Comentar post